sábado, 23 de janeiro de 2010

O compasso da espera

Espera para nascer,
Espera para crescer,
Espera para amar e ser amado.
No caminho da vida
Que nos passa ao lado.
Bem ao lado.
E nós tentando caminhar de frente
Cruzando aqui e ali,
Encarando a gente.
Mas, ai de nós,
Se na espera desesperamos.
É que as coisas são o que são.
Nem sempre nos ama
Quem nós amamos.
Mas a vida é isto:
Caminhar até ao fim,
Minorando os males,
Relevando os bens,
Fazendo por estar felizes, contentes
Ainda que pr'a isso
Tentemos parecer
Que somos diferentes.

E já agora ouçamos a melodia de Michael Bolton, que sempre ajuda a "minorar os males".


7 comentários:

  1. Tété, desejo-lhe uma boa semana :)

    Abraço

    Norberto

    ResponderEliminar
  2. Obrigada Norberto. Igualmente para si.
    Abraço
    Teresa

    ResponderEliminar
  3. Às vezes é preciso abanar a árvore da existência para caírem as folhas velhas. Talvez seja por isso que eu não quero saber quem pintou o céu de azul, mas eu quero é o resto da tinta, porque nós podemos matar o tempo, mas é sempre ele que nos enterra.
    Gostei muito de vir aqui visitar o teu belo espaço. No carácter, na conduta, no estilo, em todas as coisas, a simplicidade é a suprema virtude. O destino une e separa pessoas. Mas nenhuma força é tão grande para fazer esquecer pessoas, que por algum motivo um dia nos fizeram feliz!
    Boa semana!

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigada pela visita.
    Sabe que nem sempre é possível abanar a árvore porque podem eventualmente cair outras coisas para além das folhas velhas.
    Também é verdade que quem nos marca nunca se esquece.
    Boa semana também para si e volte sempre!

    ResponderEliminar
  5. É lindo,
    é tocante,
    a transbordar de sinceridade,
    esgota-nos as palavras
    e enche-nos de saudade

    ResponderEliminar
  6. Saudade é o que fica
    Dos tempos ora vividos
    Com tal ternura e paixão,
    Que por muito que se viva
    Daqueles tempos passados
    Há sempre a recordação.

    ResponderEliminar
  7. oiii moça!
    vim aqui te conhecer!
    poxa, a vida é isso mesmo...
    se eu pudesse mudar algumas coisas, mudaria, mas inevitavelmente temos que passar por mtas provas... mas é bom que com isso vem o aprendizado!!

    eu adorei sua escrita^^

    beijos

    ResponderEliminar